Volta à ativa

Ao deixar hospital, Bolsonaro se defende de suspeitas de irregularidades na compra de vacinas

Presidente ficou quatro dias internado por conta de uma obstrução intestinal; internação, fotografia em leito hospitalar e transferência para São Paulo ocorreu em momento de grande desgaste na imagem do presidente