Escândalo

Funcionária da CBF grava áudios para comprovar os assédios cometidos pelo presidente

Denúncia foi feita pela funcionária da confederação. Rogério Caboclo nega as acusações