Economia
0

Acionistas da Eletrobras aprovam privatização de distribuidoras

As distribuidoras pertenciam a governos estaduais, mas foram assumidas pela Eletrobras no fim da década de 1990 A assembleia geral de acionistas da Eletrobras aprovou a privatização das seis distribuidoras de energia no Norte e Nordeste do país. Com 51% do capital votante, a União votou a favor da privatização de todas as empresas, conhecidas por má gestão e […]

As distribuidoras pertenciam a governos estaduais, mas foram assumidas pela Eletrobras no fim da década de 1990

eletrobras-rioA assembleia geral de acionistas da Eletrobras aprovou a privatização das seis distribuidoras de energia no Norte e Nordeste do país. Com 51% do capital votante, a União votou a favor da privatização de todas as empresas, conhecidas por má gestão e pelo acúmulo de dívidas bilionárias. Essa decisão era considerada fundamental para viabilizar a posterior privatização da própria Eletrobras, que deve ocorrer por meio do aumento de capital, que vai diluir a participação da União.

Maior entrave ao processo de privatização, a dívida dessas companhias, de 19,7 bilhões de reais, ficou integralmente com a holding. O voto contrariou a orientação da diretoria da empresa, para quem os débitos de 11,2 bilhões de reais deveriam ficar com a Eletrobras, e os 8,5 bilhões de reais restantes, detidos junto a fundos setoriais, deveriam ser assumidos pelos futuros concessionários.

 

 

Share:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por Raquel Salvador de Oliveira Rodrigues

Jornalista profissional DRT 0003661/GO.

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!